Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



A outra (também) é mãe

por Outra, em 21.10.16

A outra é mãe. Queria sê-lo. Mas também nunca idealizou a sua vida apenas à volta deste papoel. é mulher que não se contenta com uma coisa. É, chamemos-lhe polivalente e teimosa que nem uma mula portanto acha-se perfeitamente capaz de desempenhar variados papeis: mulher, profissional, amiga, mãe (reparem a orde, de prioridades...).

Acontece que este mundo padece de um mal que chamo "hipocrisia da maternidade" que atinge a larga maioria das mulheres que já são mães. Assim sendo, a malta pinta a maternidade (de rosa ou azul) e enfeita de laços e fitinhas a condizer e raramente diz a verdade.

Portanto, a maternidade do meu ponto de vista é poucas vezes rosinha e azul e laços e fitas são para esquecer. Esperem pois relatos de maternidade real.Com o lado B da coisa, aquele que ninguém tem coragem de contar. (deve ser para não assustar a malta - eu cá já acho que é melhor prevenirmos as pessoas para o que as espera...).

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 22:43


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.