Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]



Desafio dos Pássaros #12

por Outra, em 05.12.19

Acordo quase sempre à mesma hora com o chilrear. São eles outra vez. Os pássaros. Atrás da minha casa, nesse tempo, que parece um outro tempo tão distante, existiam muitas árvores de fruto onde os pássaros faziam os seus ninhos. Não era raro irmos à procura deles. Sabíamos que eram de melro preto ou de papinha (não sei qual o nome verdadeiro destes pássaros...) Os adultos avisavam-nos sempre: "podem ir lá ver o ninho mas se houver lá ovos, não lhes toquem, porque as mães percebem e depois enjeitam os ovos, e não há passarinhos". Nós andávamos sempre lá à volta para ver quando é que finalmente apareceriam os pássaros. Primeiro, eram umas criaturas minúsculas, quase só se lhes distinguia o bico. Depois iam crescendo, crescendo, até que certo  dia chegávamos lá e o ninho estava vazio...aí sim já lhe podíamos mexer e perceber de que era feito, um monte de ervas e paus pequeninos encostadinhos uns aos outros, numa construção de certeza demorada e minuciosa. Era um tempo mágico, da primavera ao verão...sempre ao som daqueles pássaros que nunca se calavam.

Hoje, há poucas árvores lá. Mesmo assim, esta primavera vou levar o meu filho e vamos procurar juntos por um ninho de melro preto ou de papinha, para que ele guarde também a magia de ver, primeiro os ovos, depois os pássaros e finalmente perceber que já lá não estão porque aprenderam a voar... 

 

 

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:30


Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.